Papel da atenção primária nos cuidados à saúde do homem durante a pandemia COVID-19: uma revisão integrativa

Papel da atenção primária nos cuidados à saúde do homem durante a pandemia COVID-19: uma revisão integrativa

Autor(a)
Silva, Murilo Ferreira da.
<muri.silva@arapiraca.ufal.br>
Ano de publicação
2022
Data da defesa
22/04/2022
Curso/Outros
Enfermagem
Número de folhas
30
Tipo
TCC - Trabalho de Conclusão de Curso
Local
UFAL, Campus Arapiraca, Unidade Educacional ARAPIRACA
Resumo

Ao longo da história, os homens têm sido mais resistentes à procura de serviços de saúde e, com base em padrões estereotipados de masculinidade hegemônica, a pandemia COVID-19 aprofundou a tensão entre a saúde dos homens e políticas específicas, especialmente no contexto dos cuidados de atenção primária. Objetivo: Investigar o papel da atenção primária à saúde nos cuidados à saúde do homem durante a pandemia de COVID-19. Materiais e métodos: revisão integrativa com pesquisas de artigos nas bases de dados BVS, LILACS, ScIELO e PubMed, com estratégias utilizando os descritores de saúde Acesso a Serviços de Saúde, Saúde do Homem, Atenção Primária à Saúde e COVID-19, operadores booleanos, interfaces - plural singular de palavras, português, inglês, espanhol, uso de parênteses e asterisco. Os critérios de inclusão foram artigos completos disponíveis que responderam ao problema de pesquisa, em português, inglês e/ou espanhol do período de 2020 a 2022. A pesquisa nas bases BVS, LILACS, SciELO e PUBMED resultou em 169 arquivos. Com a aplicação dos critérios, 16 artigos foram incluídos. Após análise, os resultados foram organizados em 3 discussões principais: o perfil da população masculina neste período nos serviços de APS; os problemas de cuidados e acesso da população masculina em APS; e o papel e desafios da APS nos cuidados desta população na pandemia. Conclusões: A APS desempenhou e desempenhará um papel muito importante nos cuidados de saúde dos homens que sofreram a pandemia COVID-19. Um dos principais desafios da APS no seu papel nestes cuidados, além do cenário de poucos recursos e desafios para realizar qualificação de equipes, estava relacionado à garantia e incentivo do acesso da população masculina, a pouca qualificação para a política do homem e a perpetuação de estigmas e estereótipos na saúde desta população nos serviços básicos de saúde. Evidenciou-se também que, devido à pandemia, esta população necessita de ações ainda mais singulares, integradas e acolhedoras para a saúde mental e problemas psicossociais destes homens, bem como assistência aos cuidados de saúde nas instalações de saúde.

Abstract

Throughout history, men have been more resistant to seeking health services and, based on stereotypical patterns of hegemonic masculinity, the COVID-19 pandemic deepened the tension between men's health and specific policies, especially in the context of primary care. Aim: To investigate the role of primary health care in men's health care during the COVID-19 pandemic. Materials and methods: integrative review with searches of articles in the databases BVS, LILACS, ScIELO and PubMed, with strategies using the health descriptors Access to Health Services, Men's Health, Primary Health Care and COVID-19, Boolean operators, interfaces - singular plural of words, Portuguese, English, Spanish, use of parentheses and asterisk. Inclusion criteria were available full articles that answered the research problem, in Portuguese, English and/or Spanish from the period 2020 to 2022. The search in BVS, LILACS, SciELO and PUBMED resulted in 169 files. With the application of the criteria, 16 articles were included. After analysis, the results were organized in 3 main discussions: the profile of the male population in this period in PHC services; the problems of care and access of the male population in PHC; and the role and challenges of PHC in the care of this population in the pandemic. Conclusions: PHC played and will play a very important role in the health care of men who experienced the COVID-19 pandemic. One of the main challenges of PHC in its role in this care, in addition to the scenario of few resources and challenges to perform team qualification, was related to ensuring and encouraging access of the male population, little qualification for men's policy and the perpetuation of stigmas and stereotypes in the health of this population in basic health services. It was also evidenced that, due to the pandemic, this population needs even more singular, integrated and welcoming actions for mental health and psychosocial problems of these men, as well as health care assistance in health facilities.

Orientador(a)
Dr.ª Farias, Karol Fireman de.
Coorientador(a)
Esp. Alves, Ahyas Sydcley Souza.
Banca Examinadora
Dr. Oliveira, Jarbas Ribeiro de.
Ma. Silva, Patrícia de Paula Alves Costa da.
Palavras-chave
Saúde do homem.
Atenção Primária à Saúde (APS).
Serviços de saúde - Acesso.
Cuidados médicos .
Áreas do Conhecimento/Localização
Coleção Propriedade Intelectual - CPI/BSCA.
Categorias CNPQ
4.00.00.00-1 Ciências da saúde.
Visualizações
28
Observações


Não foi possível exibir o PDF